Carta do Editor

Perspectivas ultrapassa a dezena de edições, fato a ser festejado, pois a produção de ciência publicada é algo que demanda esforço, coordenação, planejamento e vontade de pesquisar.

Nos presentes dias de pandemia, os temas sobre testes terapêuticos, busca de vacinas, estudos sobre prevenção da doença, avaliações epidemiológicas, estudos da origem da doença, etc. são o foco de publicações no planeta.

Em contrapartida as publicações sobre a nossa área de atividade científica tem uma diminuição quantitativa, perfeitamente justificável.

Por isso, o festejar a presente edição. Aqui foi tratado o ensino da Medicina Legal sob a égide de Agostinho José de Souza Lima, atualizações sobre a Virtopsia, estudo estatístico sobre as mortes evitáveis e estudo também estatístico sobre as licenças médicas.

Perspectivas estimula que os milhares de colegas que exercem a especialidade, busquem compartilhar suas experiências publicando essa vivência com os demais. Ao compartilharmos nossas vivências na linguagem científica, demarcarmos cada vez mais a nossa tão importante atividade médica.

Perspectivas, aproveita essa edição para homenagear a consolidação do Mestrado em Ciências Forenses da Universidade Estadual de Pernambuco, na pessoa do Prof. Dr. Reginaldo Inojosa Carneiro Campelo. Pois, é de suma importância, a existência de cursos que permitam o aperfeiçoamento da especialidade e, ainda mais, a formação de docentes, algo tão necessário na atualidade em que esses conhecimentos são tão essenciais para vivência social sob a égide da justiça.

Perspectivas agradece de forma especial os colegas que publicaram seus trabalhos nessa edição e da mesma forma aos revisores que buscam o aperfeiçoamento das nossas sucessivas edições.

Boa leitura a todos.