Resumos

A RELAÇÃO ENTRE CONSUMO DE BEBIDA ALCOÓLICA E DROGAS ILÍCITAS E ACIDENTES DE TRABALHO: UMA REVISÃO DE LITERATURA

Matheus Santos Guimarães de Moura (1)

Orlando Victorino de Moura Junior (1)

Eduardo Costa Sá (2)

(1) IOF-USP

(2) Universidade Federal de São Paulo – Escola Paulista de Medicina

INTRODUÇÃO: O consumo de álcool e drogas ilícitas entre trabalhadores é uma realidade global e está associado a acidentes de trabalho. O alcoolismo é configurado como um dos maiores problemas de saúde pública em todo o mundo. As drogas ilícitas também apresentam uma grande relevância; com um constante empenho em se criar drogas novas, a diversidade com que se apresentam é muito vasta. Neste sentido, o objetivo do presente trabalho foi apresentar e discutir a correlação existente entre o consumo de álcool e drogas ilícitas e acidentes de trabalho.

MÉTODO: Trata-se de um estudo de revisão bibliográfica narrativa, realizado por levantamento de artigos científicos na base de dados PubMed nos últimos 15 anos. O idioma utilizado foi o inglês. Foram incluídos artigos científicos relacionados ao consumo de bebida alcóolica, alcoolismo, drogas ilícitas e acidentes de trabalho. Foram excluídos artigos de drogas de abuso que não fossem Maconha, Cocaína, Crack e Metanfetamina.

RESULTADOS: O consumo de álcool e drogas ilícitas estiveram relacionados aos acidentes de trabalho nos diversos campos de atuação. A cultura local e o tipo de trabalho se apresentaram como fatores preponderantes para a maior ingesta de álcool e/ou uso de drogas ilícitas pelos trabalhadores. A busca do pronto atendimento por quedas se tem ligação com os acidentes de trabalho. O desfecho fatal esteve relacionado ao uso de tais substâncias.

CONCLUSÕES: Os dados apresentados sugerem que o consumo de álcool, alcoolismo e uso de substâncias ilícitas estão ligados a maior risco de acidentes de trabalho.


Referências bibliográficas